A importância dos retalhistas apoiarem os pequenos negócios

28/09/2020

Um dos grandes objectivos do movimento #compraaospequenos é incentivar o consumo aos pequenos negócios e influenciar a forma como consumimos diariamente.

Inevitavelmente, focamo-nos nas pessoas como eu ou tu e incentivámos a olhar para a forma como compramos os nossos produtos e serviços. Não tentámos evangelizar as pessoas a só comprar aos pequenos negócios, mas apenas a ponderar, a experimentar e a apoiar pequenos negócios. Mudando um ou outro hábito, podemos ter um grande impacto na pequena economia.

Estamos muito contentes com a forma como o movimento e o apelo de comprar aos pequenos foi recebido pelo público, mas não nos quisemos ficar por aqui por percebermos que os retalhistas têm, também, um papel crítico neste apelo a comprar aos pequenos. Assim, pusemos mãos à obra e mapeamos 250 retalhistas espalhados de norte a sul, fizemos mais de 200 chamadas e conseguimos quase 30 retalhistas potencialmente interessados num portfólio que construímos com 15 pequenos negócios muito variados, desde kombucha até cerveja artesanal, mel até manteiga de amendoim.

Dos 30, conseguimos 3 que começaram a comprar a 3 novos pequenos negócios do portfólio que construímos e que, quase todos, ainda hoje, passados alguns meses ainda compram regularmente a estes pequenos negócios.

A Mercearia Criativa (Lisboa), a Horta a Granel (Sesimbra) e a Mercearia Biocourela (Oeiras) abraçaram o apelo e deram o exemplo ao fecharem parcerias com alguns dos pequenos negócios do nosso portfólio. Acreditamos que foi um primeiro passo muito importante, apesar de termos expectativas mais altas.

Estamos cientes de que os retalhistas têm um papel extremamente relevante no apoio aos pequenos negócios e nós queremos garantir que este movimento é também para eles. Há pequenos negócios altamente inovadores, com produtos e serviços diferenciados, com capacidade para vender quantidades adequadas a pequenos e médios retalhistas, com a conveniência dos grandes produtores.

Portanto, para terminar, deixamos o nosso apelo do costume – compra aos pequenos - mas com uma força reforçada aos retalhistas.

  • Iniciativas de apoio
  • Vendas

Partilhe

#compraaospequenos

uma iniciativa

menoshub.com